A Saúde de São Francisco está doente por falta de medicação

0
42
FOTO CORTESIA: INTERNAUTA

Internauta relata em sua rede social, a falta de medicação, incluindo o “Kit Covid-19”.

Em sua postagem ela relata o bom atendimento dos funcionários, mas critica a falta da medicação em um momento que o paciente realmente necessita.

(Texto transcrito da rede social, autorizado pela paciente).

“Boa tarde, gente eu estava me sentindo muito mal desde domingo a noite é por precaução estou isolada pq não sei se é gripe ou covid e hoje fui até o hospital Manoel Carola para que pudesse ser atendida, pois sou grupo de risco, chegando lá fui bem atendida por pessoas conhecidas é de bom coração, a médica tbm boa pessoa e educada e me passou o kit pra eu pegar na farmácia e chegando lá o rapaz que ali estava me falou que não tinha nenhum remédio na farmácia a não ser Dipirona se eu queria, e eu falei que não, porque tinha em casa, e que ele não sabia quando que ia chegar.

“Agora eu pergunto é assim que a saúde do município está 100% faltando tudo nem o básico para a população não têm, é agora?”
Deixou a pergunta em aberto.

Além de mencionar que
Pertence ao grupo de risco e faz uso de medicações pra diabetes, pressão, tireoide, ácido úrico, carotidadas e
trigliceridios.

A nossa equipe tentou contactar a farmácia do HMMC, mas ninguém atendeu a ligação.

A doença da saúde do Sertão SãoFranciscano já vem sendo abordada varias vezes nas redes sociais, nao só por pacientes, mas também por profissionais, como o medico Dr. Dagoberto Saraiva, conhecido por ser um excelente medico e pessoa.
Com passagem profissional por vários hospitais na capital do Estado, entrou para equipe da saúde de São Francisco e denunciou em sua postagem:

“Enquanto, as equipes de saúde se arriscam por todos vocês todos os dias (e para receber um salário salgado que os romanos arcaicos teriam vergonha), a Saúde Pública parece que está infectada pela corrupção”, uma menção a redução dos salários dos funcionários do município alem de mencionar o possível arrombamento da sala de Tomografia.

O teste de Covid-19 para a paciente, foi marcado para o dia 18 de Dezembro.

“Nao tendo outra alternativa e devido a necessidade de ser medicada, tive que comprar a medição em farmácia particular“, afirmou a paciente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui