InícioPolíticaPotencial de novos candidatos pode aumentar a representatividade das regiões Norte e...

Potencial de novos candidatos pode aumentar a representatividade das regiões Norte e Noroeste na Alerj.

A aposta é que, junto à possibilidade de reeleição dos atuais donos de mandato, alguns estreantes com potencial já comprovado possam viabilizar um aumento da representatividade das duas regiões, que teve sete deputados no pleito de 2018. Com falecimento de João Peixoto e Gil Vianna em decorrência da Covid-19 e a eleição de walberth Rezende pra prefeito de Macaé, ficou com quatro representantes

vitimas do COVID-19

E entre os novos postulantes a um mandato, um dos nomes que vêm ganhando destaque é o de Frederico Barbosa Lemos, ex-prefeito de São Francisco de Itabapoana. Com uma base de apoio sólida no seu município, que é administrado pelo segundo mandato consecutivo por sua esposa, Francimara Azeredo Barbosa Lemos, ele mantém a expectativa de obter um bom desempenho nas urnas também em Campos dos Goytacazes, cidade onde nasceu e iniciou sua carreira profissional no rádio.

Foto: Rede Social

Por possuir o maior colégio eleitoral interior do estado, com cerca de 300 mil eleitores, Campos tem peso determinante para consolidar uma eleição tanto para deputado estadual quanto para federal. No caso de Frederico o exemplo é: se somados os votos a serem obtidos em Campos com os de São Francisco, que tem cerca de 30 mil eleitores, as chances se tornam reais. Além disso, há de serem levados em consideração os votos a serem conquistados pelo candidato nos demais municípios da região.

Foto: Rede Social

O trabalho de Frederico para que essa perspectiva de bom desempenho nesses dois municípios se confirme acontece com a continuação de encontros de amigos, sempre aumentando o número de simpatizantes e seguidores, que acreditam na proposta de ter uma representação na Alerj. No caso de São Francisco, a oportunidade também do município vir a ter um deputado estadual.

Frederico concorre pelo partido Solidariedade, que em 2018 fez deputado com 25 mil votos. Por ter uma forte nominata e cinco concorrentes já com mandato, a previsão é que o Solidariedade esteja entre os partidos que mais elejam deputados em 2020. Com a campanha em andamento, a expectativa agora é para ver o que irão dizer as urnas no dia 2 de outubro.

Foto: Itabapoana News

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Most Popular

Recent Comments